segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Visita ao Patrulhamento Ambiental


Nesta segunda-feira, dia 19 de dezembro,  o publicitário do Profissão Catador esteve visitando o Comandante da Patran - Patrulhamento Ambiental da Brigada Militar, Tenente Hochmuller. Na oportunidade, Vinicius Campos fez uma breve apresentação do projeto e seus objetivos, deixando ao comandante um material explicativo contendo informações sobre o funcionamento do projeto. 


O tenente colocou o Comando Ambiental a disposição e se mostrou parceiro da iniciativa e do trabalho executado com os catadores ressaltando a importância dessa atividade no âmbito social, econômico e ambiental. 
Foi marcado para o mês de janeiro um encontro com todo o efetivo da Patran a fim de fazer uma apresentação mais detalhada das atividades realizadas pelo projeto e também firmar ainda mais a parceria entre a Brigada Militar e o Profissão Catador. 

Encontro Marca Nova Metodologia de Trabalho em Associação



No último dia 14 de dezembro, um encontro entre a equipe do projeto e catadores do Bairro dos Funcionários marcou positivamente a implantação de uma nova metodologia de trabalho no galpão. Uma organização através de um planejamento elaborado pelos assistentes sociais deve ser posta em prática visando um maior rendimento por parte dos trabalhadores e organização interna, bem como também algumas normas que buscam um desenvolvimento na associação.
Nesse encontro foram discutidas idéias e também ressaltou-se a busca de novos catadores que devem vir a somar na associação. Cada integrante da associação recebeu uma espécie de cartilha a qual deve guiar os trabalhos dentro da ACCA.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Projeto Profissão Catador vai a Tupanciretã

Nesta quarta-feira, dia 07 de dezembro, a equipe do Projeto Profissão Catador esteve na cidade de Tupanciretã para um encontro com autoridades e catadores do município. Na oportunidade foram apresentadas as atividades realizadas no projeto patrocinado pela Petrobrás e também houve troca de informações dos catadores de Cruz Alta e de Tupanciretã. A professoras Enedina e Isadora, coordenadoras do projeto, ressaltaram a importância que o Profissão Catador está tendo na vida das famílias que dependem da catação e da potencialização da renda.


Estiveram presentes cerca de 20 catadores do município que atentamente escutaram as explicações dos integrantes da equipe. Ficaram todos convidados a visitarem as associações de Cruz Alta e também já ficaram agendadas novas visitas a tupã nos próximos meses.



Um dos motivos do encontro, também foi a aprovação “Alinhavos e pontos no mapa regional para cerzir o tecido social: uma proposta intermunicipal de organização dos trabalhadores com resíduos sólidos”, submetido ao Edital de Chamada Pública Senaes/MTE nº 004/2011, da Secretaria Nacional de Economia Solidária do Ministério do Desenvolvimento e Combate à Fome e do Ministério do Trabalho e Emprego, e que atingirá os catadores de Tupanciretã e ajudará direta e indiretamente ao que já vem sendo feito pelo Profissão Catador em Cruz Alta.

Unicruz aprova mais um Projeto voltado a Catadores

A exemplo do Projeto Profissão Catador, aprovado pela Petrobras em 2010, a Universidade de Cruz Alta, por meio dos cursos de Ciências Econômicas e Serviço Social, aprovou mais um projeto. “Alinhavos e pontos no mapa regional para cerzir o tecido social: uma proposta intermunicipal de organização dos trabalhadores com resíduos sólidos”, submetido ao Edital de Chamada Pública Senaes/MTE nº 004/2011, da Secretaria Nacional de Economia Solidária do Ministério do Desenvolvimento e Combate à Fome e do Ministério do Trabalho e Emprego, foi aprovado num montante de R$ 600 mil. O objetivo é construir alternativas coletivas no âmbito regional para a organização dos catadores de materiais recicláveis dos municípios de Cruz Alta, Tupanciretã, Júlio de Castilhos e Salto do Jacuí.
As ações implantadas contemplam: criação de espaços de discussão, formação de associações para consolidação e fortalecimento da autonomia do grupo de catadores; participação social e articulação do grupo de catadores com instâncias organizativas locais, regionais e nacionais; e organização para o trabalho a partir da aquisição de meios e equipamentos de proteção individual para melhoria das condições de trabalho. 
Desta forma, a Universidade de Cruz Alta e as demais instituições e entidades parceiras têm agido no sentido de fortalecer as iniciativas de coleta seletiva solidária, nas quais os catadores protagonizam os processos de organização para geração de trabalho e renda. Essas articulações colaboram na viabilização do compromisso com a realidade social e com as exigências societárias, no que se refere à contribuição em relação à inclusão social, ao desenvolvimento econômico e social e à defesa do meio ambiente.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Aos Parceiros


Ao longo de seus oito meses de funcionamento, o Projeto Profissão Catador já conta com diversos parceiros em Cruz Alta e Região. Empresas e entidades que estão acreditando no projeto e através dessas parcerias tornam as ações muito mais fortes. Continuamos na busca de novas parcerias para aumentar nossa lista de "amigos" e atingirmos os objetivos deste projeto que está trazendo diversos benefícios aos catadores de Cruz Alta e suas famílias. A contribuição ao meio ambiente e social deve ser encarada como uma preocupação de todos. Em nome da equipe do projeto agradecemos a todos que estão contribuindo de forma direta e indireta para o sucesso e desenvolvimento dos trabalhos.

Vinicius Campos
Publicitário 
Projeto Profissão Catador

Abaixo Relação Atual dos Parceiros:

Unimed
Universidade de Cruz Alta
Prefeitura Municipal
RBS TV
Banco do Brasil
Construtora Fredrisch
Corsan
IBGE
Construtora Petrópolis
CRAS Um Lugar ao Sol
Receita Federal
DNIT
Mitra Diocesana de Cruz Alta
Escola Municipal 18 de Agosto
Materiais de Construção Daronco
Irmãos Badin Informática
Lojas Quero-Quero
Lojas Volpato
Loja Total
Loja Pompéia
Farmácia Panvel
Loja Deltasul
Loja PorMenos
Magazine Luiza
Farmácia Mais Econômica
Loja MB