segunda-feira, 29 de agosto de 2011

“LIXO” é matéria prima fora do lugar!




Reciclagem é o resultado de uma série de atividades através das quais materiais que se tornariam lixo, ou estão no lixo, são desviados, sendo coletados, separados e processados para serem usados como matéria-prima na manufatura de outros bens, feitos anteriormente apenas com matéria-prima virgem. 

Os benefícios da reciclagem são: 

. Diminuição da quantidade de lixo a ser desnecessariamente aterrado. 

. Preservação de recursos naturais. 

. Economia proporcional de energia. 

. Diminuição da poluição ambiental. 

. Geração de empregos, diretos e indiretos. 

A reciclagem, no entanto, não pode ser vista como a principal solução para o lixo. É uma atividade econômica que deve ser encarada como um elemento dentro de um conjunto de soluções ambientais. A separação de materiais aumenta a oferta de materiais recicláveis. 

Os caminhos que devem ser seguidos para a separação de materiais são simples, mas importantes dentro de um programa de reciclagem. A separação dos materiais deve ser feita na fonte (gerador) com posterior coleta e envio aos locais de triagem. Este caminho também pode ser feito enviando os materiais coletados diretamente para as fontes recicladoras legalmente licenciadas pelo órgão ambiental.



Figura 1 - Potencial seletivo do lixo doméstico Brasileiro

Referência: GRIPPI, Sidney – Lixo: Reciclagem e sua história: Guia para prefeituras brasileiras – 2ª ed. – Rio de Janeiro: Interciência, 2006

Um comentário :